CTO recebe homenagem Paulo Freire no Festival Ubuntu

Centro de Teatro do Oprimido recebe homenagem Paulo Freire à Educação Popular, em respeito às iniciativas de educação popular que de alguma forma contribuem para a emancipação política e social do nosso povo.

Por Gabriel Horsth – Centro de Teatro do Oprimido, Rio de Janeiro
19/11/2021 – 19:30

Homenagem Paulo Freire à Educação Popular

No dia 06 de novembro, na Garagem Delas localizada na Lapa, a mandata da Deputada Estadual Renata Souza promoveu o Festival Ubuntu Negras Utopias. Ubunto, “eu sou porque nós somos”, é um manifesto de combate ao racismo, em defesa da empatia, solidariedade e amor, em contraposição ao ódio, à solidão e ao individualismo. O Centro de Teatro do Oprimido recebeu a homenagem Paulo Freire à educação popular, em respeito às iniciativas de educação popular que de alguma forma contribuem para a emancipação política e social do nosso povo.

Através desta homenagem a deputada reconhece o trabalho essencial realizado pelo Centro do Teatro do Oprimido, seguindo os princípios do mestre Paulo Freire e de Augusto Boal, que sempre defendeu o papel da educação libertadora, da arte e da cultura, na busca por uma sociedade mais justa e igualitária. Com isso, a mandata celebra a vida e obra de Paulo Freire e homenageia os que fazem da educação e da cultura popular uma prática cotidiana, de ativismo e transformação social.

Nós, do Centro de Teatro do Oprimido, agradecemos a honraria de sermos reconhecidos por uma mandata comprometida com as lutas contra as injustiças sociais. 

SE GOSTOU DO CONTEÚDO, COMPARTILHE!

Teatro das Oprimidas

Novembro Negra: Brasil e Guiné-Bissau

A segunda edição do Novembro Negra do CTO visa estimular ações antirracistas impulsionadas por produções artísticas de negras e negros ligados ao universo do Teatro do Oprimido e do Teatro das Oprimidas

Leia mais »