Gabriel Horsth

Gabriel Horsth

coord. de comunicação

Curso Online de Introdução ao Teatro do Oprimido

O curso online ocorre através da plataforma Zoom, visando atender aqueles que não podem se deslocar até a instituição sediada no Rio de Janeiro

Data

O curso online oferece uma jornada envolvente pelos princípios fundamentais da teoria do Teatro do Oprimido, proporcionando uma experiência prática do método de maneira online. Os participantes terão a oportunidade de explorar os jogos e exercícios presentes no arsenal do Teatro do Oprimido, assim como mergulhar na Estética do Oprimido. A estrutura do curso inclui a investigação de cenas por meio do Teatro Fórum, oferecendo uma abordagem prática e dinâmica para a compreensão aprofundada do método.

Curinga: Manu Marinho
Curinga assistente: Raquel Dias

Data: 18 a 20 de março
Horário: 19h às 22h
Carga horária: 9 horas
Local: Centro de Teatro do Oprimido
Endereço: Av. Mem de Sá, 31 – Lapa, RJ
Inscrições: Site Sympla
Realização: Plataforma Zoom

VALORES POR LOTE:

América Latina e África: R$198,00 (L1) R$220,00 (L2) R$242,00 (L3)
Demais localidades: R$396,00 (L1) R$440,00 (L2) R$484,00 (L3)

INFORMES:

  • O ingresso é pessoal (nominal). É indispensável a apresentação de um documento de identificação original e oficial com foto para validação;
  • Trocas de titularidade poderão ser realizadas pelo titular da compra. Basta fazer login na plataforma com o mesmo e-mail utilizado para finalizar a compra e acessar o menu “Meus ingressos”. Em seguida, clique na opção “Trocar titularidade” e siga os procedimentos indicados na tela. A troca pode ser realizada apenas uma vez por ingresso e a permissão para alterar estará disponível até 24 horas antes do início do evento;
  • Em caso de cancelamento de pedidos, o reembolso do valor do ingresso, descontada a taxa de serviço, somente será efetuado caso a solicitação seja feita no prazo de até 7 (sete) dias a contar da data da compra, e desde que realizado o pedido de devolução com, no mínimo, 48 (quarenta e oito) horas de antecedência do horário de início do evento. Essa solicitação deve ser feita através do e-mail: cursosctorio@gmail.com;
  • Em caso de impossibilidade de comparecimento na data agendada, seu ingresso poderá ser convertido em crédito para participação em um dos cursos de nossa agenda anual, respeitando o valor originalmente pago. Essa solicitação deve ser feita através do e-mail: cursosctorio@gmail.com;
  • Cancelamentos por motivos internos podem ser efetuados até 1 mês antes da realização do curso. Os participantes serão notificados sobre qualquer cancelamento através do e-mail cadastrado.


BIOGRAFIAS

Manu Marinho é taurina, gateira, bruxa e rainha do karaokê. Educadora e escritora, ama natureza; é ARTivista, feminista e mestranda em Artes pela UERJ. É curinga do Centro de Teatro do Oprimido, especialista multiplicadora de Teatro do Oprimido e Teatro das Oprimidas, integrando, desde 2018, a equipe da instituição. Coordena o Programa de Cursos do CTO e é atriz do espetáculo Gèneres (2021), da Companhia Centro de Teatro do Oprimido, sob direção de Bárbara Santos. Inicia sua trajetória no Teatro em 2014, integrando a Oficina Libre da Escola Técnica Estadual Martins Peña. Em 2016, torna-se atriz do Grupo Madalenas Rio; coletivo que compõe a Rede Ma(g)dalena Internaional – Teatro das Oprimidas; atuando como curinga do coletivo de 2018 a 2022; tendo sido também representante de sua Regional Brasil. No grupo, seus principais trabalhos são a performance Bela, recatada e do Lar, e os espetáculos Afeto que afeta e Se essa rua fosse minha, este sob sua direção. Em 2017, participa do II Festival Ma(g)dalena Internacional – Teatro das Oprimidas, em Berlim. Em 2022, coordena a temporada do espetáculo Gêneres,  pelo edital Retomada Cultural 2. Possui graduação em Letras: Português/Literaturas pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (2009) e Especialização em Literaturas Portuguesa e Africanas pela mesma instituição (2010). Lança seu primeiro livro de contos, O gosto amargo da maçã caramelada, pela editora Multifoco em 2014. Tem interesse nas áreas de Artes, Educação, Relações Étnico-Raciais, Gênero, Antropologia e Mitologia.

Raquel Dias é cria da Baixada Fluminense, Nova Iguaçu. Cursando Engenharia Civil na Celso Lisboa e seguindo uma carreira artística como atriz do Centro de Teatro do Oprimido. Uma aquariana apaixonada pela capoeira e totalmente fiel ao futebol.  Em 2017, entrou como atriz e coordenadora no Grupo de Teatro do Oprimido “Ponto Chic”. No mesmo ano foi atriz no curta metragem “Desterro”, vencedor do júri popular do Festival 72 horas. Em 2018, participei do projeto Circuito Teatro do Oprimido patrocinado pela Petrobras por meio da Lei de Incentivo à Cultura do Estado do Rio de Janeiro. Em 2019, apresentei minha performance “A Realidade” no evento de Teatro do Oprimido “Festo”. Em 2020, participei do Edital Cultura Presente nas Redes, pela Secretaria Estadual de Cultura e Economia Criativa do Rio de Janeiro. Em 2021, concluiu o Curso “O papel do curinga em tempos de pandemia” no Centro de Teatro do Oprimido. No mesmo ano, comecei a fazer parte da equipe CTO atuando como Assistente de Curinga. No mesmo ano, idealizei e produzi o evento LGBTQIA+ na Praça de Ponto Chic, em Nova Iguaçu.


OS CURSOS DA INSTITUIÇÃO

O Centro de Teatro do Oprimido (CTO) está mais uma vez pronto para iluminar o cenário cultural brasileiro com uma empolgante agenda de cursos para o próximo ano. Com o compromisso de capacitar pessoas de diversas áreas e promover a transformação social através das artes, o CTO oferece uma série de oportunidades únicas para participantes ávidos por explorar os limites do teatro como meio de expressão e conscientização. Os cursos oferecidos pelo CTO são mais do que simples aulas teatrais; são portas de entrada para uma jornada de autoexpressão e compreensão profunda do mundo ao nosso redor. Cada curso é cuidadosamente projetado para proporcionar uma experiência significativa e única, onde os participantes podem explorar temas e técnicas específicas que os inspiram.  A especificidade do CTO reside na flexibilidade oferecida aos participantes. Os cursos podem ser realizados sequencialmente para uma jornada de aprendizado contínua ou de forma independente, permitindo que os alunos escolham cursos de acordo com seus interesses e disponibilidade.

O CTO acredita no poder da Estética do Oprimido e das Estéticas Feministas Negras como meio de expressar e compreensão das realidades sociais e culturais. Cada curso oferece aos participantes a oportunidade de mergulhar profundamente na linguagem do teatro, capacitando-as a criar alternativas significativas para transformar o mundo em que vivem.  Ao se inscrever em um dos cursos do CTO, você não está apenas investindo em seu próprio crescimento pessoal e artístico, mas também contribuindo para a preservação de uma história cultural única. A sede do CTO é um tesouro nacional que abriga décadas de compromisso com a mudança e a conscientização social por meio das artes. Ao juntar-se a nós nessa jornada de conhecimento, você está ajudando a manter viva essa fonte de inspiração para artistas de todo o mundo.

CONTATO:

Tel.: (21) 2215-0503
E-mail: cursosctorio@gmail.com
Responsáveis: Manu Marinho e Raquel Dias

outras
notícias